Advocacia e redes sociais: o LinkedIn como ferramenta de networking

Quando se trata de redes sociais, o melhor ambiente para se conhecer e rever pessoas é o Facebook. Esta rede social se tornou o lugar online ideal para que as pessoas se relacionem com familiares e amigos, perto ou distante e possam conhecer mais pessoas com alguma coisa em comum.

O Instagram e outras redes sociais também fazem parte da lista mais acessada pelos brasileiros e pouco a pouco foram conectando pessoas em todo o mundo.

Passado algum tempo, o uso destas redes tornou-se uma ferramenta importante para os negócios e praticamente todas as empresas possuem uma página para divulgação dos seus produtos e serviços nas redes sociais e assim conhecer futuros clientes, sócios e fornecedores.

Por isso, queremos lhe mostrar que para uma fluidez significativa em networking, o escritório de advocacia e redes sociais precisam trabalhar juntos.

Você precisará de uma ferramenta destinada ao profissional e diretamente ligada aos interesses do seu escritório, sendo assim, chegamos ao ponto principal deste artigo.

O LinkedIn é o que seu escritório precisa para aumentar e melhorar a forma de como captar clientes na advocacia. Ele possui as funções ideais para conhecer novas conexões, formar parcerias e conseguir clientes. Veja como usufruir de tudo isso!



advocacia e redes sociais

Conteúdo ideal para cada rede social

Saiba direcionar o conteúdo certo a ser postado em cada rede social. O lado mais descontraído de um artigo ou imagem pode ser compartilhado em uma fanpage no Facebook. É ótimo, pois mantém os contatos de olho em você e seu escritório.

Já artigos e blogspot sobre dúvidas pertinentes à sua área, ou notícias sobre o seu segmento no mercado, serão melhores absorvidos no LinkedIn. Lá estão os contatos que você quer atingir.

E por fim, para continuar a interação da advocacia e redes sociais, insira imagens que refletem o perfil do seu escritório, que dizem muito sem necessariamente usar as palavras, podem ser adicionadas ao Instagram. Você vai notar que dá para obter o melhor de todos os “mundos” se cada conteúdo for bem direcionado.

Insira informações relevantes

Não esqueça que sua página no LinkedIn é uma prévia da sua imagem profissional. Por isso, ao contrário de outras redes sociais, um tom sério e profissional na área da advocacia é que vai ditar as informações a serem inseridas.

Nada de fotos divertidas e diferentes. Deixe estes momentos para redes mais indicadas. Use uma foto profissional e seja preciso e atualizado em informações como cargo ou função atual, formação acadêmica, área de atuação e dados para contato. Sua página é seu currículo e trajetória expostos na internet.

Crie estratégia para o seu Networking

Não tenha em mente que, criar um perfil no LinkedIn com os dados e informações bem posicionados é o suficiente para um bom networking virtual.

Você precisa saber que o networking virtual é exatamente como o “presencial”, é necessário a interação das pessoas com seu escritório. Não adianta ter o melhor conteúdo na sua rede se ele não é acessado e nem comentado. Ou, se você não faz o mesmo com os conteúdos postados por suas conexões.

Adicione familiares, clientes e amigos às suas conexões para que eles interajam com os conteúdos postados pelo escritório. Faça o mesmo com as conexões que você tem interesse, não apenas clicando em gostei, mas também comentando algo sobre o que foi postado. Dessa forma seu escritório ganha visibilidade.

Adquira mais conhecimento

Além do contato com novos clientes, você tem a oportunidade de se aprofundar em conteúdos interessantes para seu escritório de advocacia. Participe de fóruns na rede, discuta temas importantes com outros profissionais e aprenda mais sobre as áreas que seu escritório tem interesse.

O LinkedIn é a rede ideal para adquirir conhecimento quando se trata de networking virtual. É o momento onde outros advogados, clientes e parceiros se reúnem de forma digital para compartilhar experiências e agregar valor uns aos outros.

Seja frequente em suas postagens

Outra forma de aumentar o networking jurídico, fazendo a junção da advocacia e redes sociais, é ser consistente em suas postagens. Não é interessante “despejar” todo o conteúdo que seu escritório possui em um único dia.

Faça postagens significativas e periódicas, para estar sempre em evidência. Dessa forma, outras conexões saberão que durante a semana seu escritório compartilha algo interessante nas terças e quintas feiras, por exemplo. Não permita que muito tempo se passe. Saiba que quem não é visto, não é lembrado.

Acredite, a advocacia e redes sociais estão intimamente ligadas. Falamos sobre este assunto porque de acordo com os números, 58% dos brasileiros usam a internet e 77% dessas pessoas usam as redes sociais.

Não é nenhuma ousadia dizer que promover seu escritório por meio das redes sociais gera um aumento na captação de clientes. O conteúdo compartilhado será acessado diversas vezes e seu escritório será referência na área que atua, se usar este tipo de ferramenta para promove-lo.

Por isso, não perca tempo e aperfeiçoe agora mesmo o perfil profissional do seu escritório, faça compartilhamentos e use estas dicas para que o networking virtual aconteça mais rápido e produtivo do que você imagina.

Quer ficar por dentro das novidades sobre gestão de escritório de advocacia? Faça seu cadastro e receba os materiais exclusivos do SAJ ADV em seu e-mail.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *