13 dicas de aplicativos para advogados melhorarem sua produtividade

13 dicas de aplicativos para advogados melhorarem sua produtividade

Tempo de leitura: 10 minutos

13 aplicativos para advogados que desejam usar a tecnologia de fácil acesso no aumento da produtividade

O trabalho de advogado sempre teve um obstáculo: o tempo. Isto porque um advogado tem tempo limitado para trabalhar em processos. E precisa, ainda, dar conta de todas as atividades administrativas que seu escritório exige. Ele só pode assumir os novos casos em que ele vai realmente conseguir atuar dentro desse limite de tempo. Em outras palavras, a possibilidade de ganho está diretamente ligada à produtividade na advocacia. Todavia, existem soluções às dificuldades cotidianas, como aplicativos para advogados.

Com a tecnologia, algumas mudanças sobrevieram. Inúmeras ferramentas, então, possibilitam aumentar a produtividade dos profissionais, inclusive dos profissionais de Direito. Em consequência, elas também possibilitam aceitar novos clientes, assumir novos casos e aumentar os ganhos.

É o caso dos aplicativos, uma forma de tecnologia que fica – literalmente – à mão. Mesmo que você esteja na rua, no fórum, na fila do banco, você pode pegar o celular e adiantar algumas tarefas. Ficou interessado? Então, confira nossas treze dicas de aplicativos para advogados que querem aumentar sua produtividade!

aplicativos para advogados

1. DocuSign

A primeira dica de aplicativo voltada para algo essencial aos advogados: a assinatura digital. Principalmente com o advento do processo eletrônico, esta se tornou uma ferramenta bastante facilitadora para a prática jurídica.

DocuSign é um aplicativo para assinar documentos digitalmente. A empresa por trás do DocuSign garante segurança não apenas digital, mas legal, para os seus usuários. A promessa do serviço é acelerar os processos, promover maior eficiência e economia para os negócios que adotam a assinatura digital.



O aplicativo é gratuito. No entanto, é preciso que você tenha uma conta com a DocuSign. Os planos começam em US$10 (Pessoal), que permite um usuário e cinco envios de documentos por mês.

O app está disponível para:

2. Supremo em Ação

Realizar acompanhamento processual é uma das principais preocupações de todo advogado. Afinal, é preciso estar ciente do que andamento e do processo e do decurso dos prazos. Vários tribunais já investiram em aplicativos específicos, através dos quais os profissionais podem, então, realizar as pesquisas como se acessassem a página na internet, mas com um layout mais prático e acessível.

O aplicativo Supremo em Ação, assim, é o aplicativo desenvolvido pelo Supremo Tribunal Federal. Permite, desse modo, a visualização de dados e o acesso à movimentação processual de cada Ministro do STF, detalhando seu acervo atual de processos distribuídos, decisões e processos baixados.

O app está disponível para:

3. STJ

Seguindo a linha de aplicativos desenvolvidos por instituições oficiais, há o app do Superior Tribunal de Justiça. O aplicativo oficial do STJ, então, permite, além da consulta processual, a pesquisa de jurisprudência.

Segundo a descrição do aplicativo, é possível consultar os processo por meio dos seguintes critérios:

  1. classe e número do processo;
  2. número da OAB;
  3. nome do advogado;
  4. nome da parte;
  5. número do registro; e
  6. número único do CNJ.

O app está disponível para:

4. Diligeiro

O quarto item na nossa lista de aplicativos para advogados é o Diligeiro, voltado para facilitar a conexão entre escritórios de advocacia e advogados correspondentes.

Primeiro, é preciso criar uma conta. O segundo passo é publicar uma demanda. Os advogados correspondentes que estiverem na região e disponíveis se candidatam ao trabalho, e você escolhe um deles para cumprir a diligência. Ao final, é só avaliar o serviço.

Além de facilitar a contratação, o Diligeiro permite acompanhar o cumprimento da diligência e oferece um chat para se comunicar com o advogado correspondente que você contratou.

Não é preciso pagar nada para publicar demandas, e o app também é grátis.

Ele está disponível para:

5. SAJ ADV – Software Jurídico

Continuando as dicas de aplicativos para advogados, o destaque vai para o SAJ ADV. O SAJ ainda não é um aplicativo, mas isso não faz diferença. Quem utiliza este software jurídico para gestão de escritórios de advocacia pode acessá-lo pelo navegador do smartphone ou tablet, da mesma maneira que faz no computador. Desta maneira, é tão acessível quanto um aplicativo.

O SAJ ADV prioriza a mobilidade do software jurídico, pois a plataforma é responsiva. Ou seja, ela se adapta ao tamanho de tela que você está usando para acessar o sistema. Além disso, por ser um sistema hospedado em nuvem, ele sincroniza as informações entre todos os dispositivos. Basta ter acesso à internet para entrar no sistema em qualquer lugar, visualizar seus processos, executar ações, controlar prazos e muito mais.

O SAJ ADV oferece três planos:

  • Advogado individual: R$139 por mês;
  • Escritório de advocacia: R$214 por mês;
  • Escritório premium, com número ilimitado de usuários e outros diferenciais: R$499 por mês.

Além do valor do plano escolhido, há uma parcela única de implementação, por R$280. E, antes de contratar, é possível testá-lo por 15 dias.

6. WhatsApp Business

Por que incluir um aplicativo já presente na vida de tantos indivíduos nesta lista de aplicativos para advogados? Há uma ótima resposta para isso. Uma importante ferramenta para a comunicação entre advogados e clientes tem sido o uso do WhatsApp na advocacia. Não apenas facilita o diálogo, aproximando as duas partes, como pode ser bastante útil para a agilidade na profissão.

O grande destaque, então, está no uso da versão do WhatsApp Business. O WhatsApp para negócios possui algumas funcionalidades diferentes. Autoriza, por exemplo, que se configurem mensagens automáticas. Além disso, possibilita a separação entre um número pessoal e um número comercial.

O WhatsApp está disponível para:

Contudo, o WhatsApp Business está disponível, no momento, apenas para:



7. Evernote

Entre os aplicativos para advogados, o mais conhecido para fazer anotações é o Evernote. Mencionado por muitos como o melhor aplicativo desta categoria, ele se destaca pela grande variedade de recursos para as anotações e pela possibilidade de organizar tudo, para que assuntos diferentes não se misturem e para que fique mais fácil localizar um item específico.

O Evernote sincroniza suas anotações entre todos os dispositivos em que está instalado, para que você possa acessá-las e modificá-las do smartphone, do tablet ou do computador. Além disso, você pode compartilhar as anotações para trabalhar nelas colaborativamente com sua equipe. Isso permite, por exemplo, trabalhar em planejamentos estratégicos junto com seus sócios, mesmo quando vocês estiverem longe do escritório.

Existem três planos para o Evernote, sendo que, nos planos pagos você pode fazer um teste gratuito. Desse modo, são eles:

  • Basic, que é gratuito;
  • Premium, que custa R$9,00 por usuário por mês;
  • Business, que custa R$24,00 por usuário por mês.

O app está disponível para:

8. Google Keep

O Google Keep, assim como o Evernote, é uma opção de aplicativo para advogados que desejam se organizar através de listas. Ele permite que o usuário cadastre informações, checklists e até imagens em post-its. É possível, inclusive, gravar chamadas de voz pelo aplicativo. E, então, ele organiza os quadros em uma forma de mural.

Assim, torna-se mais fácil memorizar as tarefas do dia-a-dia da advocacia. E garantir que tudo saia conforme o planejado.

O app está disponível para:

9. ScannerPro

Em terceiro lugar na nossa lista de aplicativos para advogados, temos o ScannerPro. Este é um aplicativo para escanear documentos com o smartphone ou tablet. Basta tirar uma foto do documento para criar uma versão escaneada em PDF.

Você pode fazer ajustes para melhorar a qualidade do arquivo. Outro recurso interessante é a possibilidade de criar automações; por exemplo, fazer com que todos os documentos escaneados sejam automaticamente salvos no Dropbox (um serviço de armazenamento em nuvem, similar ao Drive).

O advogado pode usar o ScannerPro para escanear documentos que os clientes apresentam em relação ao seu caso, como contratos ou comunicações trocadas com a outra parte. Outro uso interessante é escanear páginas de livros e levar no Drive, para ler em qualquer lugar.

O ScannerPro custa R$14,90 com compras adicionais no aplicativo, e está disponível somente para:

10. Hours

Na nossa lista de aplicativos para advogados, não podia faltar um app que ajude na cobrança.

O Hours é um aplicativo para rastreio de horas. Em outras palavras, ele permite registrar o que você faz a cada hora do dia. Para os advogados que fazem a cobrança de honorários advocatícios por horas trabalhadas, essa ferramenta permite manter o controle e aumentar a transparência.

Para fazer o rastreio, basta criar previamente as categorias de atividades que você pode realizar ao longo do dia. Então, é só abrir o app e trocar de categoria conforme você muda de uma atividade para outra. O Hours continua contabilizando o tempo naquela categoria, até que você interrompa ou mude. Depois, ele ainda gera relatórios fáceis de entender com todas as informações sobre o seu tempo.

O app é gratuito e está disponível apenas para:

11. Google Drive

A primeira dica de aplicativos para advogados no quesito armazenamento é o Drive do Google. Este é um aplicativo que permite salvar arquivos em nuvem e acessar de qualquer dispositivo. É, portanto, uma maneira prática de levar sempre com você aqueles documentos de que pode precisar a qualquer minuto, como um modelo de procuração ou uma apresentação do seu escritório para mostrar aos clientes.

O aplicativo do Drive é gratuito. Assim, qualquer pessoa com uma conta de e-mail do Google tem direito a 15 GB gratuitos. E isto é suficiente para levar muitos arquivos. Se você precisar de mais espaço, pode comprar a partir de 100 GB, por R$6,99.

O app está disponível para:

12. Dropbox

Também na linha de armazenamento online, existe a ferramenta do Dropbox. O aplicativo permite duas modalidades de contas:

  1. para equipes; e
  2. para pessoas físicas.

O plano para pessoas físicas vão desde o plano Basic, de 2 GB de armazenamento gratuito, aos planos Plus e Professional, com 1 TB e 2 TB de armazenamento, respectivamente, mediante pagamento mensal a partir de US$ 9,99

Já a modalidade para equipes (Dropbox Business), além de possuir avaliações gratuitas de 30 dias, possui planos diversos que variam entre o plano Standard, Advanced e Enterprise, a partir de US$ 15 mensais.

O app está disponível para:

13. OneDrive

Ainda em se tratando de aplicativos para advogados para armazenamento na nuvem, não poderia ser ignorado o OneDrive. A ferramenta da Microsoft é uma das mais tradicionais e, assim, como a do Google, necessita apenas de um e-mail em sua modalidade mais básica.

Também é dividido em:

  • Office 365 Personal; e
  • Business.

As modalidades do plano Office 365 personal variam do OneDrive Básico gratuito, com 5 GB de armazenamento, a planos pagos com maior armazenamento e outras funcionalidades a partir de R$ 7,00 ao mês.

Enquanto isso, os planos de OneDrive for Business fornecem tamanho de armazenamento maior e outras funcionalidades para empresas a partir de R$ 262,80 por ano.

Quer conhecer outros aplicativos para advogados? Ou saber mais sobre os recursos e o funcionamento do SAJ ADV? Faça abaixo seu cadastro e receba os materiais do melhor software jurídico em seu e-mail.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *