Blog jurídico ou portal de notícias: o que é melhor?

Tempo de leitura: 6 minutos

Muitos advogados já sabem que um bom conteúdo é uma peça-chave na hora de promover ações de marketing jurídico.

Além de auxiliar o posicionamento nos buscadores, um bom conteúdo atrai potenciais clientes para o seu site, auxiliando na prospecção e na construção de autoridade.

Embora não seja mais segredo para ninguém que o bom conteúdo é fundamental para os sites jurídicos, muitos escritórios ainda têm dúvidas sobre como publicá-lo. É melhor investir em um portal de notícias ou apostar em um blog jurídico?

Para saber os prós e os contras de cada modelo, elaboramos o post de hoje para te ajudar! Quer saber se vale mais investir em um blog jurídico ou em um portal de notícias? Então, não deixe de conferir!

blog juridico

Blog jurídico

Um blog jurídico é uma excelente ferramenta para demonstrar aos seus clientes e potenciais clientes que o seu escritório é uma autoridade em determinadas áreas e temas do Direito. Como o conteúdo de um blog é totalmente focado nos problemas e questões do cliente, ele tende a gerar maior conexão, facilitando assim o relacionamento.

Benefícios de um blog jurídico

Os blog-posts devem ser trabalhados a partir de um conteúdo útil e original, visando o compartilhamento de informações que sejam úteis aos seus clientes e potenciais clientes. Por se tratar de um tipo de informação que é proveitosa para o potencial cliente, muitas vezes ele pode compartilhar seu conteúdo visando informar mais pessoas. Isso, naturalmente, também ajuda na promoção e visibilidade do escritório.

Em termos de criação de autoridade e credibilidade, o blog jurídico também é uma excelente ferramenta. Isso porque ele dá a oportunidade de o profissional demonstrar seu conhecimento através do esclarecimento de dúvidas e questões. Esse tipo de ação faz com que potenciais clientes se envolvam com o conteúdo e passem a buscar os serviços do profissional.

[Quer saber como criar um bom conteúdo para o seu blog jurídico? Confira nossas dicas!]

O blog jurídico também é um canal eficiente para promover a educação tanto do seu atual cliente, como o do seu potencial cliente. Postagens que esclareçam sobre procedimentos jurídicos, riscos do contencioso, funcionamento dos serviços jurídicos e atualizações da legislação servem para orientar a atividade do cliente em determinadas situações, além de esclarecer mais sobre os resultados que os seus serviços podem gerar.

Esse tipo de canal, portanto, minimiza dúvidas e até obstáculos na hora da contratação, deixando o potencial cliente muito mais satisfeito e confiante acerca do advogado e do escritório escolhido.

Cuidados ao criar um blog jurídico

Sem dúvida, um blog jurídico pode trazer inúmeros benefícios. Porém, sim, manter um blog jurídico dá trabalho e requer esforço e dedicação de todo o seu time. Gerar conteúdo original e de qualidade não é uma tarefa simples. Além das pesquisas constantes, é fundamental que o escritório construa a sua persona, ou seja, a figura representativa do seu potencial cliente para gerar um conteúdo mais focado e mais eficiente.

Caso seu escritório não seja capaz de manter uma constância nas publicações, o melhor caminho é terceirizar a produção de conteúdo. Hoje já existem agências e freelancers especializados no nicho jurídico que podem auxiliar o escritório na elaboração dos posts.

Além disso, é importante investir em uma linguagem simples e acessível. Muitos advogados perdem engajamento e possibilidades de novos negócios por utilizarem uma linguagem excessivamente técnica e que muitos clientes acabam não compreendendo. Embora terceirizar o conteúdo possa demandar um investimento do escritório, muitas vezes contratar um profissional especialista e que tenha mais familiaridade com o marketing de conteúdo pode ser uma forma de estabelecer uma linguagem menos técnica, facilitando a comunicação.

Por fim, não deixe de investir em ferramentas de SEO. Embora existam muitas ferramentas gratuitas, algumas que são pagas podem trazer resultados mais certeiros em termos de rankeamento.

Portal de notícias

Um portal de notícias serve basicamente para atualizar seus clientes, potenciais clientes, parceiros e colegas sobre atualidades da área jurídica. Sua principal vantagem é chamar a atenção da mídia para o seu escritório, aumentando a potencialidade da sua banca virar notícia também em outros meios de comunicação.

Benefícios de um portal de notícias jurídico

Um dos principais benefícios de um portal de notícias jurídico é chamar a atenção da imprensa para o seu escritório. Construindo um bom portal, suas notícias podem ser utilizadas por outros veículos de comunicação, trazendo maior visibilidade para a sua banca.

Além de elaborar um conteúdo atrativo, o escritório deve se preocupar também em encaminhar press releases para veículos de comunicação estratégicos, ou seja, que sejam lidos por seus potenciais clientes ou despertem a atenção de parceiros.

Fazer com que a sua equipe elabore o conteúdo do seu portal, estimula a pesquisa e a atualização dos profissionais, o que acaba refletindo na qualidade do trabalho do escritório.

Através de boas notícias também é possível chamar a atenção de parceiros da área jurídica, facilitando o networking e até novas oportunidades de trabalho.

Cuidados ao criar um portal de notícias

Ao criar um portal de notícias é essencial que o conteúdo seja original. Infelizmente, muitos escritórios acabam apenas reproduzindo notícias que já foram divulgadas em sites como Conjur, Migalhas, Sites dos Tribunais e outros. Porém, é importante destacar que os buscadores como o Google, por exemplo, costumam penalizar sites com conteúdo replicado, fazendo com que eles não ocupem as primeiras posições do ranking.

Além disso, um portal de notícias nem sempre é uma ferramenta útil para a prospecção de clientes. Isso porque, muitas notícias que interessam diretamente ao universo jurídico nem sempre impactam as questões da clientela. Logo, se o seu objetivo é a fortalecer a prospecção e o relacionamento, talvez seja melhor investir em um blog jurídico, por exemplo.

Tanto um portal de notícias quanto um blog jurídico são boas ferramentas que podem trazer vantagens ao seu escritório. Porém, antes de escolher um ou outro, é importante estar ciente das suas estratégias e objetivos, já que cada modelo serve melhor determinada forma de atuação.

Quer ficar por dentro das novidades sobre gestão de escritório de advocacia? Faça seu cadastro e receba os materiais exclusivos do SAJ ADV diretamente em seu e-mail.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *