[Case] Os benefícios de publicar no SAJ ADV – Sérgio Merola

O blog do SAJ ADV é um portal de conteúdos jurídicos com mais de 800 mil visitas mensais, com redação e edição interna e publicações de colunistas, otimizado para SEO (buscas na internet). O objetivo é trazer informações relevantes para facilitar a prática da advocacia.

Os segredos de Sérgio Merola para conquistar clientes através de sua coluna no SAJ ADV

O mundo está mudando. Este é um fato. No entanto, como o advogado Sérgio Merola, colunista do SAJ ADV desde 2018, comenta, o mundo já mudou. E a internet, dessa forma, já é o presente. Nessa realidade, o marketing jurídico se torna imprescindível para escritórios de advocacia, assim como saber escrever e transmitir seu conhecimento em meios digitais.

Ele nos conta, então, um pouco de sua trajetória entre Direito e Marketing e como colunista do blog do SAJ ADV. E quais os segredos de seu sucesso na internet.

A descoberta do marketing jurídico como estratégia essencial para a advocacia

O advogado de 34 anos e natural de Goiânia, desde jovem, soube que gostaria de fazer Direito. No entanto, a advocacia veio somente após 10 anos trabalhando no mercado financeiro. E foi quando começou a atuar em escritórios de advocacia que descobriu a importância do marketing jurídico e da publicação de artigos em meios digitais.

O primeiro contato com a redação veio antes da abertura de seu próprio escritório. Em 2014, quando trabalhava no escritório do então presidente da OAB/GO, pediram-lhe que escrevesse artigos para um portal de conteúdo. E desde então, vem se dedicando, cada vez mais, a aperfeiçoar sua escrita, não apenas para trazer um conteúdo de qualidade, mas também transmiti-lo da melhor maneira.

Em 2016, Sérgio Merola abriu seu próprio escritório e passou a se dedicar mais ao estudo de empreendedorismo jurídico. Inclusive seus hábitos se modificaram nos últimos anos. Se antes gostava de passar o tempo livre jogando videogame, hoje estuda mais e está sempre com um livro. E quando retira um tempo para viajar, algo de que gosta bastante, prefere que seja por um período limitado, pois sente a necessidade de voltar ao trabalho

Hoje, enfim, atua com Direito Administrativo, sobretudo em casos de concurso público e servidores públicos, em mais de 20 estados brasileiros, além do Distrito Federal, e possui escritório em Goiânia, Brasília e São Paulo.



A maior parte de seus clientes? Provenientes dos meios digitais a que se dedica desde então.

sérgio Merola

Marketing e empreendedorismo: o segredo do sucesso na advocacia

Um fato, contudo, mudou a relação de Sérgio Merola com o mundo da advocacia em meios digitais. No final de 2017, ele conheceu seu hoje parceiro de negócios, Ricardo Orsini, consultor de marketing jurídico e gestão de escritórios de advocacia.

Embora já o conhecesse por conta dos conteúdos de marketing, foi somente após um breve encontro em Goiânia que a ideia de uma parceira surgiu. E hoje, a Advocacia In Foco, fundada por Orsini, dedica-se exclusivamente ao escritório de Sérgio Merola.

Tudo isso, porque tanto Merola quanto Orsini sabiam da importância de um marketing especializado e da gestão para o sucesso no mercado jurídico.

Afinal, como ele mesmo comenta, a maior dificuldade encontrada por advogados e advogadas, principalmente nos anos iniciais da carreira, é conquistar clientes.

A advocacia tem muita restrição pelo código de ética e disciplina, e as faculdades não ensinam o advogado a ter um escritório, como atrair clientes, como fazer a gestão de seu escritório. Quando eu comecei, por sorte, eu já tinha essa percepção de business, de negócio, por causa do mercado financeiro. E eu já estava dando os primeiros passos no marketing digital, porque, no outro escritório, me colocaram como colunista para escrever para um portal específico.

Como prospectar clientes na advocacia através do conteúdo

Quando abriu seu próprio escritório, então, Sérgio Merola já sabia o que viria pela frente. Ele estava consciente de que os primeiros clientes pelo meio digital não viriam a curto prazo. Pelo contrário, demorou pelo menos 8 meses para que ele visse seu primeiro cliente chegar.

A partir daí eu já tinha essa percepção de que, a partir do momento em que eu fosse para o meu escritório, a ideia seria utilizar o marketing digital para atrair esses clientes. Lógico que o efeito não é imediato eu demorei oito meses da produção do meu primeiro conteúdo para ter o meu primeiro cliente na internet.

Enquanto isso, precisava, como outros profissionais, de clientes de indicação. Afinal, havia contas a serem pagas.

A dificuldade era ter clientes nesse primeiro momento, sem ter um nome forte, para pagar as contas do mês, e depender de indicação.

Depois, os clientes começam a surgir mais facilmente, e a indicação passa a ser a exceção na prospecção de clientes na advocacia.

Coluna no SAJ ADV: conteúdo de qualidade aliado ao SEO

Dois anos depois da abertura de seu próprio escritório e um ano depois do início da parceria com Ricardo Orsini, Sérgio Merola enviou seu primeiro conteúdo ao blog do SAJ ADV.

O blog foi indicado pela advogada Luciana Lara, também colunista do SAJ ADV. E foi uma escolha estratégica de Merola, para quem a distribuição de um conteúdo é tão importante quanto o próprio conteúdo.

É melhor você saber como utilizar essas plataformas mais otimizadas, com mais tráfego, para que você consiga visibilidade.

No blog do SAJ ADV, todos os conteúdos passam por uma curadoria e adequação a requisitos de SEO para que os artigos tenham boa performance no Google.

A otimização realizada, aliada à qualidade dos conteúdos produzidos por colunistas, como Sérgio Merola, faz com que o blog do SAJ ADV receba, hoje, mais de 800 mil visitas mensais. E dessa forma, possa retornar em também mais visibilidade para os próprios colunistas.

O SAJ ADV tem um SEO muito bom, muito otimizado. Tem um artigo meu sobre cadastro de reserva que é um dos mais otimizados do Google. E eu recebo muito contato por causa desse conteúdo.

Rotina de escrita: como Sérgio Merola produz seus artigos

A ideia é que, com os conteúdos produzidos e acessados pelas pesquisas no Google, o cliente conheça o seu nome, confie no seu conhecimento e considere você para solucionar uma demanda jurídica dele. Para isso, no entanto, é preciso saber também como escrever um artigo de internet.

Desde que conheceu Ricardo Orsini, Sérgio Merola começou, então, a desenvolver melhor também a sua escrita. E esta, inclusive é a dica que deixa para todos aqueles que pensam em escrever, para seus blogs ou para o blog do SAJ ADV: qualifique sua escrita.

Se você quer saber o que escrever, precisa saber o que escrever. Contudo, por mais qualificado que seja o seu conteúdo, é preciso que o público:

  • encontre seu texto, como por meio de pesquisas no Google;
  • seja envolvido pelo seu texto.

Do contrário, seu texto será apenas um conteúdo de qualidade, mas que não chega até as pessoas que deveriam lê-lo e, se consegue chegar a elas, não consegue fazê-las querer mais ou motiva-las a algo, até mesmo buscar por seu nome ou entrar em contato.

Além de tudo isso, no início, é necessário fortalecer esse conteúdo também em quantidade. Assim, mais pessoas poderão chegar a você. Com o tempo, no entanto, uma vez que o conteúdo esteja estruturado no Google, é possível até diminuir o ritmo de produção, embora não parar.

Sérgio Merola, por exemplo, se planejava para escrever de 2 a 3 conteúdos por semana no início. À medida em que foi crescendo, todavia, pode começar a publicar apenas um artigo por quinzena.

Artigos, marketing digital e mercado jurídico

Um conteúdo de qualidade que consiga chegar ao público que busca por ele – e que, muito possivelmente, necessita de um auxílio jurídico – é uma forma inteligente de criar autoridade em meio a tantos profissionais. E a autoridade, assim como o domínio da matéria, é fundamental em um mercado saturado como o da advocacia.

Questionado sobre o futuro da profissão, Sérgio Merola é honesto em dizer que o futuro somente será positivo para aqueles que desejam realmente se dedicar ao aprendizado do Direito. Isto porque há uma visão mercadológica das faculdade de Direito, o que gera lotação e falta de capacidade técnica. Consequentemente, o que se vê é um mercado que, cada vez mais, reflete sua saturação.

E para aqueles que acreditam que honorários advocatícios menores significam mais clientes, é preciso estar ciente de que você está cobrando pela qualidade do seu trabalho.

Mesmo que o valor cobrado por você seja maior, os clientes o contratarão, ao invés de contratar um advogado que cobre menos, pela segurança que você pode oferecer com a sua competência. E o compartilhamento de informações por meio de artigos na internet é uma forma de fortalecer essa confiança.

O futuro da advocacia após o coronavírus

Assim como a advogada Talita Santos, Sérgio Merola já atuava quase que inteiramente por meio digital. Dessa maneira, podia gerenciar tanto as atividades do escritório quanto os processos eletrônicos. Inclusive, em abril de 2020, fechou um dos maiores contratos de honorários advocatícios do ano, o que mostra que estar preparado antes da pandemia do coronavírus não o afetou tanto economicamente.

No que concerne aos atendimentos, em virtude da alta demanda, Merola já atendia por WhatsApp quase que integralmente. Isto lhe permitia não apenas gerenciar melhor os atendimentos, como também saber as informações de cada caso com mais agilidade e praticidade.

E finaliza, dizendo que:

Não foi um desafio, para mim, essa pandemia. Foi uma constatação de que a gente trabalhou certo quanto tinha que trabalhar. E uma constatação de que a gente estava certo, de que o mundo precisa ir para o digital. As pessoas, principalmente na advocacia, que é muito tradicionalista, tinham aquela visão de que a internet é o futuro. Não, a internet é o presente e há muito tempo. Não é de hoje. Quem não estava se posicionando, está passando dificuldade.

De blog a portal: a era da internet na advocacia hoje

Sua estratégia de marketing digital também continua operando e trazendo clientes. Como ele fala:

Achei muito interessante que muitos advogados acordaram para o marketing digital só com essa pandemia, e escritórios que já estavam estruturados só no digital não sofreram grandes repercussões. Há muito tempo, quase que 100% dos nossos clientes vêm pelo digital. […] 

Por fim, perguntamos o que ele esperava dos planos futuros do SAJ ADV, na ideia de se consolidar como um grande portal jurídico. E ele responde:

Quando você junta um blog que é otimizado, já tem um tráfego orgânico absurdo, e transforma num portal – e conhecendo o trabalho de vocês, eu sei que será um portal muito bom, muito bem feito – a expectativa é de crescimento. E é muito bom para nós, colunistas, estar em portais de referência.

Escreva, você também, para o SAJ ADV e conquiste a autoridade que você almeja no mercado jurídico! Envie seu texto através da página “Você no SAJ ADV“!

Quer saber tudo sobre Marketing Jurídico? Faça abaixo seu cadastro e receba os materiais exclusivos do SAJ ADV  em seu e-mail. 

Redatora do SAJ ADV. Mestra em Teoria e História do Direito pelo PPGD/UFSC (2019). Bacharela em Direito pela UFSC (2015). Pós-graduanda em Direito da Proteção e Uso de Dados pela PUC Minas Digital.

ARTIGOS RELACIONADOS

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *