6 dicas indispensáveis para jovens advogados

Tempo de leitura: 6 minutos

Jovens advogados enfrentam a cada dia um novo desafio e uma nova descoberta. O SAJ ADV separou 6 dicas para tornar essa fase mais tranquila (e lucrativa).

Ao navegarmos pela internet é comum encontrarmos listas de dicas e conselhos para jovens advogados. Com raras exceções, todas se concentram em um grupo restrito de boas práticas. Não resistimos à tentação e decidimos também elaborar nossa seleção, assim todos poderão ter acesso ao conteúdo e ter apoio nessa fase cheia de desafios. Boa leitura.

1 – Tenha uma boa comunicação (tanto verbal quanto escrita)

Em 1938, Chester Barnard escreveu um livro intitulado “As Funções do Executivo”. Neste livro, Barnard fala sobre o que considera o principal problema das organizações: a comunicação. Passados mais de 75 anos, e apesar de toda a evolução dos meios de comunicação (que se diversificaram e melhoraram em termos qualitativos), este continua sendo “o principal problema das organizações”. O motivo, é simples. A comunicação é um processo que envolve, basicamente, um emissor disposto a se fazer entender e um receptor disposto a compreender o que o outro lhe quer transmitir.

Assim, nossa dica para jovens advogados é igualmente simples: seja o mais breve e direto possível! Evite o uso de termos e jargões técnicos que servem apenas para confundir o cliente e ao final, certifique-se de que ele o compreendeu, através de perguntas. E não se esqueça que esta dica vale tanto para a comunicação oral quanto para a escrita.

O jurisdiquês não faz bem a ninguém. Você pode perder a confiança de seus clientes, e eles por sua vez não compreendem de fato o que pode ser feito por você e em qual estágio e do que se trata realmente o processo envolvido.

2 – Planeje

Planejar significa pensar antecipadamente no que irá acontecer e tomar as decisões com tempo, considerando o maior número de informações possível. Jovens advogados, tendem a ser mais impulsivos, com vontade de mostrar logo a que vieram, mas devem planejar sempre. Da agenda diária, para não perder compromissos e prazos, às estratégias que usará em um determinado caso, tudo deve ser pensado seguindo a velha máxima: a pressa é inimiga da perfeição. Com um bom planejamento é possível prever o que pode dar errado e, neste caso, pensar em quais alternativas estarão disponíveis. Tão importante quanto planejar, é acompanhar a execução do que foi planejado e medir os resultados obtidos.



Para isso é importante sempre estudar doutrinas jurídicas e jurisprudências, se manter atualizado para identificar padrões em casos de terceiros para buscar referências para suas teses.

3 – Especialize-se

Estude continuamente. Se você escolheu esta profissão é porque gosta de ler e estudar. Essa, portanto, deve ser uma prática não apenas de alunos e professores, mas de todos os bacharéis de direito, não importando sua área de atuação. Para jovens advogados, o estudo contínuo é o que garante a sua especialização e, por consequência, maior capacidade técnica.

Não basta apenas estudar intensamente um assunto. É preciso estudá-lo em profundidade, buscando cursos livres, eventos e ou na academia. É cada vez mais comum a reunião de advogados com o mesmo ramo do direito. Áreas como Trabalhista, Cível e Criminal possuem eventos quase que mensais, basta você ter tempo (e dinheiro) para ter presença constante. Caso não seja sua situação, eventos online e gratuitos são cada vez mais comuns, basta você seguir as pessoas envolvidas nas redes sociais para ficar por dentro desse calendário.

É este aprofundamento que garantirá sua especialização e os consequentes benefícios naturais dessa prática. A própria OAB possui cursos através de suas ESAS (Escola Superior de Advocacia), variando por UF as especializações oferecidas. Acesse o site da OAB de seu estado e confira o cronograma.

4 – Saiba determinar preço

Este assunto é tão importante que dedicamos um post exclusivamente para ele. Mas vamos aos principais aspectos envolvidos: a) saiba calcular o custo necessário para realização de seu serviço; b) considere o quanto você é ou não especialista na área em que atuará e; c) procure demonstrar o valor que o cliente está adquirindo ao contratar seus serviços;

5 – Seja ético

“Quais são as três primeiras perguntas feitas por um advogado? Quanto dinheiro você tem? Onde você pode conseguir mais? Há algo que você possa vender”. Certamente você já ouviu esta ou alguma outra piada a respeito da profissão de advogados, a maioria nos retratando como uma classe mesquinha, mercantilista e interesseira. Essa visão é mantida por uma pequena parcela de nossa classe que mantém um comportamento imoral e antiético. O que deveria ser exatamente o contrário do que deve ser feito.

Em uma época de profunda crise ética e moral, ninguém melhor do que nós, advogados, para servirmos de modelo de comportamento, já que nossa atividade deveria servir como instrumento de justiça e igualdade. Assim, a dica, mais do que óbvia é: haja de acordo com o Imperativo Categórico de Kant, segundo o qual, um homem deve agir de tal modo que os motivos que o levaram a ação resultem em lei universal;

6 – Faça o que ama e ame o que faça

Não há nada mais gratificante para alguém do que dedicar-se a uma atividade que lhe dá prazer. Na opinião dos especialistas, não há nenhum profissional de sucesso que não seja apaixonado pelo que faz. Afinal de contas, em algum momento sua profissão lhe cobrará empenho e dedicação acima do usual e, nessa hora, você se questionará se fez ou não a escolha correta. Por isso é importante manter viva a lembrança da paixão dos primeiros anos de atuação. Mantenha o seu caminho, jovens advogados!jovens advogados

Você percebeu que todas são dicas para jovens advogados relativamente simples, mas que precisam de paciência e determinação para serem colocadas em ação e trazerem os benefícios que queremos. Agora é colocar a mão na massa e tomar atitudes práticas, que trarão resultados efetivos a sua carreira. Fique atento aos canais do SAJ ADV, estaremos sempre disponibilizando o que existe de mais atual, trazendo a revolução para seu escritório de advocacia.

Quer ficar por dentro de todas as nossas novidades para jovens advogados? Faça seu cadastro no SAJ ADV  – Software Jurídico e receba os materiais exclusivos diretamente em seu email.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *