7 tendências atuais de marketing digital para advogados

7 tendências atuais de marketing digital para advogados

Tempo de leitura: 10 minutos

Se você é advogado ou trabalha em um escritório de advocacia, certamente já pensou em como o marketing digital pode influenciar o seu negócio. Tendo isso em vista, criamos uma lista com 7 tendências de marketing digital para advogados.

Contudo, quando o assunto é marketing digital, tanto para advogados, como no meio jurídico como um todo, existe um pouco de aversão pelos profissionais, principalmente para os mais velhos na área. Um dos motivos para isso acontecer é que o código de ética da OAB regulamenta o que se pode ou não fazer em questão ao marketing para os advogados, seja ele digital ou não.

Por exemplo, não se pode fazer campanhas tendenciosas de marketing. No entanto, isto não impede o marketing jurídico. Apesar das restrições, existem técnicas que podem ser adotadas.

7 tendências de Marketing Digital para Advogados

Há alguns anos já se debate o que é ou não considerado tendencioso ou antiético em quesito de marketing digital. Por essa razão, criamos essa lista com 7 tendências de marketing digital para advogados. E elas não ferem o Código de Ética da OAB.

marketing digital para advogados

  1. Marketing de influenciadores;
  2. Marketing em eventos;
  3. Marketing de relacionamento;
  4. Marketing de atração;
  5. Marketing de conteúdo;
  6. Links Patrocinados;
  7. Marketing analítico;

1. Marketing de influenciadores

Influenciadores no meio digital é a primeira das 7 tendências de marketing digital para advogados dessa lista. Você como advogado ou até como empresa, pode fazer um acordo de divulgação mútua com outras empresas e advogados, tanto para se divulgarem nas redes sociais, quanto em outras plataformas, como em um blog ou site.

Advogados que atuam em um ramo especifico podem divulgar advogados que atuem em outros ramos e vice-versa. Por exemplo, um advogado trabalhista pode divulgar um advogado para causas civis e vice-versa.

O necessário aqui, ao fechar essa parceria, é que o advogado ou agência seja bem inserido no meio digital, para que a sua divulgação tenha real retorno.

2. Marketing em eventos

Participar de forma ativa de eventos dentro da área da advocacia traz um bom retorno também para o seu marketing ou para a sua empresa.

Com isso você pode aumentar os seus contatos no meio e a divulgação desses eventos no meio digital, como nas redes sociais, sempre traz um bom retorno de visibilidade.

A sua empresa produzir alguns desses eventos traz um retorno ainda maior.

3. Marketing de relacionamento

Aqui o foco do marketing digital para advogados está em fidelizar o cliente. Assim, de forma natural, ele retornará quando precisar de novos serviços. Igualmente, indicará o profissional para outros potenciais clientes.

Existem muitas formas de fazer isso. Uma delas é o e-mail marketing. Ou seja, conceder benefícios para o cliente e produzir conteúdo de forma gratuita.

Esse marketing de relacionamento pode ser indireto também, já que não é necessário que a pessoa seja seu cliente de fato para, por exemplo, acessar o conteúdo gratuito que você produziu. Desse modo, ela poderá se tornar cliente em um futuro próximo.

4. Marketing de atração

A atração, dentro do marketing digital para advogados, está ligada à forma como você se apresenta nos meios digitais. O mais conhecido deles são o marketing de conteúdo e o e-mail marketing.

Esse tipo de marketing dá muitos resultados por não ser algo invasivo na vida nas pessoas.

No e-mail marketing você envia algo atrativo para uma lista pré determinada de e-mails, que você pode ter captado anteriormente por contatos diretos ou em seu blog jurídico, como quando a pessoa assina a sua newsletter.

Ele, assim como o marketing de conteúdo não é considerado invasivo pois o potencial cliente está ciente o tempo todo.

No caso da newsletter, o potencial cliente autoriza o recebimento desse tipo de e-mail ao assinar a newsletter. Já na produção de conteúdo falaremos a seguir.

5. Marketing de conteúdo

Aqui você produz um conteúdo relevante de forma gratuita. Podem ser, por exemplo, vídeos ou posts em blogs e redes sociais.

Ele também não é considerado invasivo pois o potencial cliente que escolhe se quer consumir aquele conteúdo ou não.

Esse é o marketing de atração, bem como marketing digital que mais tem dado resultados positivos, uma vez que primeiro você atrai o potencial cliente, passando por outras etapas até a contratação do serviço e fidelização do cliente.

6. Links patrocinados

O conteúdo que você produz pode encontrar mais potenciais clientes por meio dos links patrocinados. Portanto, vale a pena dar um atenção a isso em estratégias de marketing digital para advogados.

Você pode patrocinar o seu conteúdo, nome ou empresa nas redes sociais e até mesmo nos mecanismos de busca.



A vantagem disso é que você pode escolher o publico que verá esses links patrocinados. E buscar, assim, o seu publico alvo em específico.

7. Marketing analítico

Essa forma de marketing utiliza todas as outras dessas 7 tendências de marketing digital para advogados.

Ele consiste em pegar todos os dados adquiridos por meio de e-mail, blog, produção de conteúdo, links patrocinados e etc. Dessa forma o advogado ou empresa descobre como fazer um conteúdo mais direcionado a quem consome o que ela produz. E aumenta, assim, a taxa de conversão.

Marketing digital para advogados é algo que está em crescimento contínuo. Trata-se de uma nova forma de se relacionar com os clientes ou potenciais clientes. E com essas 7 tendências de marketing digital para advogados, você ou a sua empresa terão resultados bem mais positivos. Além disso, de colocarão sua marca ou nome em evidência.

Guia de contratação de agência de marketing digital para advogados

Contudo, fazer tudo isso não é tão fácil como parece. Uma nova tendência, assim, é a utilização de agências especializadas em marketing digital para advogados. Separamos, então, um guia básico para você contratar uma agência de marketing jurídico para seu escritório.

Muitas vezes acreditamos ser capazes de dar conta do recado e realizar diversas tarefas ao mesmo tempo. Entretanto, não é fraqueza saber a hora de pedir ajuda e contratar alguém experiente para realizar um trabalho da melhor maneira possível.

Por isso, desenvolvemos este guia para você contratar uma agência para fazer seu marketing jurídico. Ou seja, divulgar seu escritórios ou seu serviços jurídicos da melhor maneira possível, visando o maior alcance e número de clientes.

1. Pesquise

A primeira dica é: pesquise. Busque na internet boas agências de marketing digital, leia as avaliações. Converse com outros colegas e procure boas indicações. Não tenha medo de investir um tempo nisso, afinal, é o que pode fazer a diferença na criação de um escritório bem-sucedido.

Procure também conversar com as agências e não só se espaldar em comentários de terceiros. Feedback é importantíssimo, mas você precisa ter total confiança em quem está contratando para tal trabalho. Selecione as que mais te chamaram a atenção e envie um email, marque uma reunião.

2. Procure especialização

O mundo do marketing é enorme e com diversas ramificações. Estratégias que servem para um restaurante não são as mesmas que servem para seu escritório de advocacia, é claro.

Em suas pesquisas, selecione agências que tenham histórico de trabalho com marketing jurídico. Existem agências especializadas nisso, inclusive. Como muitos aspectos da vida jurídica, existem muitas especificações a serem seguidas para realizar esse tipo de marketing e, se não forem cumpridas, podem prejudicar os seus negócios.

3. Tamanho não é documento

Tome cuidado ao encontrar grandes agências de marketing com diversos serviços a oferecer. As agências maiores podem trazer maior estabilidade, é verdade, mas também podem tratar o seu escritório sem a atenção necessária.

É claro que esse cenário não se reflete em todas as agências, mas não descarte uma empresa só porque ela é pequena. Às vezes, a qualidade do serviço oferecido é muito superior e pode te surpreender.

4. Transformando talento em autoridade

Aqui no nosso guia para contratar uma agência para fazer seu marketing jurídico também é preciso alertar para um fator muito importante: você deve encontrar uma agência que seja capaz de transformar o seu talento em autoridade.

Sabemos que são muitas as áreas de atuação do Direito e por isso, o marketing jurídico do seu escritório deve mostrar por que você é o melhor para ser contratado e não o seu concorrente. Esse convencimento deve ser feito através de argumentos de autoridade que sejam capazes de convencer o cliente que você é a melhor escolha.

5. Perfil online consolidado

Para contratar uma agência de marketing é preciso possuir um espaço na internet. Esse guia para contratar uma agência para fazer seu marketing jurídico é totalmente baseado em te ajudar a encontrar as pessoas perfeitas para melhorar o trabalho de divulgação online dos seus serviços.

É importante destacar esse tópico pois, atualmente, o mundo é digital e diversas marcas são feitas nesse âmbito. Seu escritório deve ter uma boa presença virtual, mas isso é assunto para a equipe responsável pelo marketing digital para advogados. A agência de marketing jurídico te ajuda a se adequar às normas da OAB para oferecer seu serviço.

6. Trabalho em conjunto

O trabalho não termina ao encontrar a agência perfeita para você e seu escritório! Ele só está começando. Há mais no que concerne ao marketing digital para advogados. A agência escolhida e você devem trabalhar em conjunto para elaborar um discurso que exalte todas as suas qualidades e pontos fortes no trabalho.

É preciso alinhar o trabalho de qualidade, realizado todos os dias, com o que será passado para os possíveis clientes e visitantes da sua página. Isso é importante para manter as expectativas no nível certo e evitar frustrações de pessoas que contratam o seu serviço.

7. Escolha uma agência que valorize sua opinião

Para fechar nosso guia para contratar uma agência para fazer o marketing digital para advogados, aconselhamos que evite agências que não se comunicam com você e dizem ser capazes de realizar todo o trabalho sem suas opiniões ou envolvimento.

Além de ser importante para o desenvolvimento dos negócios o alinhamento entre os dois lados, você deve desconfiar de que o trabalho realizado é provavelmente padronizado. E isso é horrível para o seu negócio.

Portanto, um dos aspectos que você sempre deve buscar em uma agência de marketing jurídico é personalidade e exclusividade. Transparecer a qualidade do trabalho realizado no material disponibilizado para os clientes em potencial é uma das chaves para convencer que você é o profissional mais qualificado para aquele trabalho.

Quer ficar saber mais sobre marketing jurídico? Faça seu cadastro e receba os materiais exclusivos do SAJ ADV em seu email.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *