Planilha de DRE gratuita para escritórios de advocacia

A Planilha de DRE, ou seja, de Demonstração de Resultados do Exercício é um relatório contábil que exibe a formação da receita líquida de um negócio, a partir dos descontos da receita bruta de cada grupo de despesa: impostos, administração e pagamentos.

Veja como controlar as finanças com a Demonstração de Resultados do Exercício

Uma das primeiras preocupações do advogado empreendedor é profissionalizar a gestão do escritório de advocacia. Evidentemente, um dos pontos prioritários desse processo é gestão financeira para advogados. E então chegamos às planilhas de fluxo de caixa, de balanço patrimonial e, claro, à planilha de DRE – Demonstração de Resultados do Exercício.

Tais procedimentos são fundamentais se se quer falar de contabilidade dentro do escritório de advocacia. Afinal, subsidiam tanto a tomada de decisão quanto a avaliação de resultados de seus projetos. Por exemplo, você pode usar seu histórico de gastos administrativos para decidir, no planejamento estratégico do escritório, pela troca ou uso de um software jurídico. Ou então pode verificar, no gráfico de análise mensal, se suas melhorias operacionais estão se revertendo em economia para a sociedade.

Para além do desempenho, tais relatórios são uma forma de representar, de forma estruturada e transparente, para a sociedade de advogados a política contábil do negócio.

A vantagem é que você pode começar a fazer todos esses relatórios dentro do seu escritório de advocacia com planilhas. Neste artigo, vamos nos ater à planilha de DRE.

Você verá, então, por que ter a DRE do escritório de advocacia, como funciona uma planilha de DRE e ainda, se você quiser começar agora a pôr o conhecimento em prática, um modelo de planilha de DRE para escritório de advocacia para você baixar de graça!

planilha de dre para escritórios de advocacia

Planilha de DRE: obrigatória ou não, é melhor ter

A DRE é um dos mecanismos pelos quais a legislação brasileira padroniza e organiza o controle financeiro das organizações. Criada pela Lei 6.404/1976 para sociedades anônimas e limitadas e atualizada pela Lei 9.249/2007, a Demonstração de Resultados é a solução que o Estado criou para receber informações sobre o setor empresarial de todo o país. Justamente por isso, o demonstrativo contábil é obrigatório, uma vez por ano.



Evidentemente, isso exclui as sociedades de advogados, que são simples. Embora não obrigatório, não quer dizer que não seja recomendável fazer uma planilha DRE. Veja o que contempla, e cito o art. 187 da Lei 6.404/76:

Art. 187. A demonstração do resultado do exercício discriminará:
I – a receita bruta das vendas e serviços, as deduções das vendas, os abatimentos e os impostos;
II – a receita líquida das vendas e serviços, o custo das mercadorias e serviços vendidos e o lucro bruto;
III – as despesas com as vendas, as despesas financeiras, deduzidas das receitas, as despesas gerais e administrativas, e outras despesas operacionais;
IV – o lucro ou prejuízo operacional, as outras receitas e as outras despesas;
V – o resultado do exercício antes do Imposto sobre a Renda e a provisão para o imposto;
VI – as participações de debêntures, empregados, administradores e partes beneficiárias, mesmo na forma de instrumentos financeiros, e de instituições ou fundos de assistência ou previdência de empregados, que não se caracterizem como despesa;
VII – o lucro ou prejuízo líquido do exercício e o seu montante por ação do capital social.

Fato é que uma planilha DRE inclui informações que dão conta de fatos sobre a saúde financeira do negócio.

Então, para além do aspecto legal, a DRE serve a outros fins dentro da organização. E, nesse ponto, se aplica também aos escritórios de advocacia. Vejamos, portanto, o escopo de uma DRE.

Escopo da planilha DRE para o escritório de advocacia

Vimos que a planilha DRE inclui informações importantes sobre contabilidade. Isso porque compila o resultado consolidado das operações financeiras em determinado período. Assim, fica fácil demonstrar se o escritório teve como resultado lucro ou prejuízo e de quanto ele foi.

Mas qual é a estrutura básica de uma planilha DRE para escritórios de advocacia? Vamos ver:

  • (=) Receita bruta dos serviços advocatícios (honorários e honorários sucumbenciais) e outras receitas
  • (-) Impostos e deduções (Simples, Cofins, IRPJ)
  • (=) Receita líquida
  • (-) Despesas variáveis (custos vinculados à receita: insumos, gasolina, viagens, diligências, etc.)
  • (=) Margem bruta
  • (-) Gastos com sócios e equipe (pró-labore, salários, INSS, IR, vale-transporte, convênios, FGTS etc.)
  • (-) Despesas administrativas (aluguel, alimentação, limpeza, contas, IPTU etc.)
  • (=) EBITDA (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização)
  • (-) Tributação
  • (=) Resultado líquido

O cálculo é receitas (+) menos despesas (-). Visto assim, é simples e lógico. Sequencialmente, desconta-se cada tipo de despesa dos recebidos, para visualizar, por etapas, o desempenho do escritório em vários indicadores: receita líquida, margem bruta, EBITDA e, finalmente, resultado líquido.

Com tais resultados da planilha DRE, rapidamente você calcula esses valores em porcentagem, mostrando por exemplo, se o lucro real bate com o presumido. Mas tem outras vantagens. Então, vejamos.

Vantagens do Demonstrativo de Resultados

Com a planilha DRE, você tem uma visão de toda a sua cadeia financeira. E saberá dizer, então, qual a composição de despesas variáveis que afetaram os lucros daquele mês ou trimestre, quais os fatores que estão pressionando os custos das operações, quais os serviços mais rentáveis e por aí vai.

Outra vantagem é que a planilha DRE é flexível, podendo ser customizável às necessidades do escritório de advocacia. Por exemplo, se você quiser especificar, no item Despesas Administrativas os custos por Comunicação, Manutenção, Operacional etc., é perfeitamente factível.

Como um relatório gerencial de DRE, o escritório de advocacia tem toda a liberdade de adicionar itens para mensurar, de acordo com suas necessidades de contabilidade. Para ter uma visão mais aprofundada, vale detalhar bem os tipos de receita e de despesa do escritório.

Mas como avaliar esses números? Vejamos que tipo de análises você pode tirar.

Como analisar sua planilha DRE

Ao montar sua planilha DRE, você pode fazer dois tipos clássicos de análise: vertical e horizontal. Na análise vertical, você pode por exemplo, verificar onde estão os gaps financeiros do mês e, se possível, fazer melhorias para melhorá-los.

Já numa análise horizontal, você consegue comparar, em determinado período, perdas ou ganhos em cada um dos itens discriminados. Por exemplo, você notou entre os meses de janeiro e fevereiro deste ano um incremento em suas despesas com algum insumo. Logo, baseado nesses dados, você pode verificar o que causou esse aumento abrupto de custo e gerenciá-lo, se necessário. Ou então, você notou sazonalidade em certo serviço. Dessa forma, pode criar mecanismos para se preparar para esse período, incrementando o time etc.

Se você contratou um sistema para gestão do escritório, a planilha DRE é uma uma ótima ferramenta para calcular o ROI do software jurídico.

Além disso, você pode usar indicadores do DRE para projetar resultados. Ou seja, se sua meta é reduzir custos com tal item, você pode traduzi-lo em indicador de desempenho mensurável na tabela DRE, observando a evolução mês a mês.

Baixe nossa planilha de DRE gratuita e faça agora mesmo a do seu escritório

Depois de ver todas as vantagens de fazer a DRE do escritório, tenho certeza de que você quer colocar esse conhecimento em prática. É claro que nós não iríamos deixar você sair daqui com essa baita tarefa de Excel.

Por isso, nós mesmos preparamos uma planilha de DRE baseada na experiência de nossos parceiros aqui no SAJ ADV. Então, para conferir, acesse agora o material!

Quer ficar por dentro das novidades sobre gestão do escritório de advocacia? Faça abaixo seu cadastro e receba os materiais exclusivos do SAJ ADV – Software Jurídico em seu e-mail.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *